Canal VE

25 de fevereiro de 2024

Nova fábrica da Volkswagen vai investir na produção de baterias

Imagem aérea da futura fábrica de baterias da VW

Futura fábrica de células de bateria da Volkswagen em Salzgitter, na Alemanha

A Volkswagen deu mais um passo em busca de sua estratégia NEW AUTO, de mobilidade elétrica. Lançou, nesta quinta-feira (7/jul/2022), a nova empresa de baterias do grupo, a PowerCo, e instalou a pedra fundamental para a construção da primeira fábrica de células da VW em Salzgitter, na Alemanha.

Com um investimento de mais de 20 bilhões de euros (R$ 108,5 bilhões) até 2030, e com potencial de vendas de 20 bilhões de euros por ano, a PowerCo será responsável por atividades ao longo de toda a cadeia de valor das baterias para veículos elétricos. A expectativa é gerar 20 mil empregos na Europa.

A partir de Salzgitter, a empresa vai gerenciar as operações internacionais de fabricação, o desenvolvimento da tecnologia das células, a integração vertical da cadeia de valor e o fornecimento de maquinário e equipamento às unidades fabris. Posteriormente, novos produtos e grandes sistemas de armazenamento para a rede de energia.

Modelo de negócios

A fábrica de células de Salzgitter servirá como padrão para outras seis unidades de produção na Europa, e com a perspectiva de mais fábricas no futuro na América do Norte. Para isso, pretende estabelecer novos parâmetros em sustentabilidade e inovação.

Funcionário opera equipamento tecnológico
Fábrica do grupo Volkswagen vai produzir baterias para veículos elétricos. Foto: Divulgação/VW

A padronização não irá incluir apenas equipamentos, prédios e infraestrutura, mas também os produtos, processos e TI (Tecnologia da Informação). Além disso, cada fábrica irá operar com 100% de eletricidade gerada a partir de fontes renováveis e será projetada para uma futura reciclagem em ciclo fechado.

A Volkswagen também apresentou a célula unificada prismática anunciada no Power Day em 2021. Ela permite o uso flexível de uma variedade de diferentes químicas para as células e será usada em até 80% de todos os modelos do Grupo. Em Salzgitter, as células unificadas para o segmento de grande volume serão produzidas a partir de 2025. 

No futuro, a fábrica deverá atingir uma capacidade anual de 40 GWh, o suficiente para cerca de 500 mil veículos elétricos. Em 2030, o Grupo Volkswagen pretende operar em toda a Europa seis fábricas de células, juntamente com seus parceiros, com um volume total de 240 GWh.

As novas células unificadas geram efeitos de sinergia e prometem reduzir os custos das baterias em até 50%. Os protótipos produzidos até agora demonstraram, segundo a montadora, um desempenho altamente promissor relativamente à autonomia, tempos de carga e segurança, pré-requisitos essenciais para um futuro padrão industrial.

Boas impressões

O chanceler alemão Olaf Scholz prestigiou a cerimônia de lançamento da nova fábrica. 

Executivos da Volkswagen posam ao lado de chanceler alemão onde será construída a nova fábrica
Chanceler alemão Olaf Scholz e executivos da VW no lançamento da PowerCO. Foto: Divulgação/VW

“Hoje é um bom dia para a indústria automotiva na Alemanha e na Europa. A Volkswagen está mostrando como poderá ser o futuro da mobilidade sustentável e compatível com o clima. Juntos, estamos lançando a fundação para dar forma a esse futuro de forma significativamente ampla aqui em Salzgitter”, disse.

Já Herbert Diess, CEO da Volkswagen AG, afirmou que a nova unidade é um marco estratégico. “O negócio de células de baterias é um dos fundamentos de nossa estratégia NEW AUTO, que tornará a Volkswagen uma provedora líder da mobilidade sustentável e orientada por software do amanhã. Estabelecer nossa própria fábrica de células é um megaprojeto em termos técnicos e econômicos. Isso demonstra que estamos trazendo a tecnologia de ponta do futuro para a Alemanha”, afirmou.

Ler o Anterior

H2V como combustível é possibilidade para economia verde, diz ministro

Ler o Próximo

Em parceria inédita, Audi garante entrega 100% sustentável de VE

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular