Canal VE

25 de junho de 2024

EUA planejam aporte de US$ 2 bi para transição a veículos elétricos

Fábrica em construção nos Estados Unidos

Fábrica da Ford em construção no estado de Kentucky. Foto: Reprodução

O governo dos Estados Unidos anunciou investimento de US$ 2 bilhões (aproximadamente R$ 9,72 bilhões) para acelerar a transição energética dos veículos no país. De acordo com o governo de Joe Biden, esse dinheiro é da Lei de Redução da Inflação e será destinado para acelerar a produção doméstica, além de reanimar empresas do setor em dificuldades.

De acordo com a agência de notícias Reuters, com esse investimento a Casa Branca pretende conter as críticas de montadoras e do sindicato United Auto Workers (UAW) sobre as regras ambientais propostas, visando ajudar o mercado de VEs no país.

Segundo o Departamento de Tecnologias e Veículos dos EUA, a prioridade é projetos que reformam ou reequipam fábricas que cancelaram suas operações recentemente ou estão em vias de fechar. O objetivo é manter empregos dentro do setor industrial e sindical.

O governo Biden está pressionando as indústrias automobilísticas do país para acelerar a transição energética, como parte da sua meta de descarbonizar a economia até 2050.

Senhor em frente de microfones com a bandeira dos Estados Unidos ao fundo
O governo Biden quer acelerar o processo de transição energética e pressiona montadoras. Foto: Reprodução

Investimento pesado também em baterias

O Departamento de Programas de Empréstimos (LPO) anunciou um empréstimo de US$ 9,2 bilhões (aproximadamente R$ 44,7 bilhões) para a joint venture Blue Oval SK, formada pela parceria entre a Ford e a empresa sul-coreana de baterias SK Innovation

O valor será destinado para a construção e remodelação de três fábricas de baterias no país, que já estão em andamento nos estados do Tennessee e Kentucky.

Esse empréstimo é o maior desde 2008, quando o país enfrentou uma grave crise financeira. A ação faz parte de uma iniciativa do presidente Joe Biden na tentativa de alcançar a China em tecnologias verdes. O plano também contempla a promoção de energia limpa em meio a crise climática.

Além do acordo com a Ford, o governo norte-americano tem outros 100 projetos para a produção de baterias e veículos elétricos, que no total somam um investimento previsto de US$ 200 bilhões para todo o setor de eletromobilidade.

Ler o Anterior

Renault confirma em novo hotsite o Megane E-Tech para setembro

Ler o Próximo

BYD lança o Dolphin como o carro elétrico mais eficiente do Brasil

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular