Canal VE

25 de fevereiro de 2024

Startup de Brasília lança moto elétrica com projeto nacional

Motociclista vestido de preto segura moto branca da Origem em frente a construção em formato circular

O projeto da startup Origem é 100% nacional. Foto: Divulgação/Origem.

A startup Origem quer mudar o cenário da mobilidade de Brasília (DF). Com um projeto 100% nacional, a empresa fabrica motos elétricas e as oferece em um plano por assinatura.

O serviço é destinado a pessoas e empresas que fazem uso profissional das motocicletas, como serviços de entrega, rondas e transportes, por exemplo. 

No plano de assinatura, com custo fixo mensal, já estão inclusos a manutenção, seguro e impostos, além da recarga e troca das baterias, que pode ser realizada em uma das estações de troca espalhadas por Brasília. 

Os motociclistas podem trocar as baterias por outras carregadas quantas vezes forem necessárias, nas estações. O procedimento não tem custo. 

Além disso, o modelo oferece conexão com a internet, o que permite atualização automática do software, rastreamento e comunicação com a central, além de GPS nativo e um conjunto de sensores.

As motos são todas montadas na fábrica própria da Origem, localizada na Zona Franca de Manaus (AM).

Foto de uma moto elétrica branca com detalhes pretos e um símbolo de alvo na bateria.
Troca de baterias das motos é ilimitada. Foto: Divulgação/Origem.

E no futuro?

Os empresários esperam que mais de 2.000 motos elétricas da Origem comecem a rodar em 2023, no Distrito Federal.

“No médio prazo, queremos crescer e impactar no desenvolvimento de outros estados e cidades, fornecendo tecnologia, segurança e sustentabilidade à população”, afirmou Diogo Lisita, um dos sócios do projeto, em entrevista ao jornal “Correio Braziliense”, 

“Acreditamos que meios de transporte sustentáveis e economicamente acessíveis são um dos pilares que podem melhorar a qualidade de vida das pessoas em ambientes urbanos”, completou o empresário.

Para tirar o plano em prática, a empresa recebeu R$ 100 milhões em investimentos, um recorde para a região Centro-Oeste.

Ler o Anterior

CEO da Volkswagen confirma que Golf e Tiguan serão elétricos

Ler o Próximo

Ford e Senai vão capacitar pessoas de baixa renda em SP

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular