Canal VE

24 de abril de 2024

Marcopolo demonstra tecnologia dos ônibus elétricos no Brasil

Ônibus elétrico prata parado para demonstração

As demonstrações serão do modelo Attivi Integral. Foto: Divulgação/Marcopolo

A Marcopolo, empresa brasileira fabricante de carrocerias de ônibus, iniciou seu cronograma de demonstrações do Attivi Integral, ônibus elétrico com chassi e carroceria da marca, em diversas cidades brasileiras.

A ideia é testar a viabilidade desse modelo, atendendo a necessidade de cada local. Os modelos vão contar com configurações diferenciadas e adaptáveis, de acordo com o cenário encontrado em cada cidade. Essas configurações são capazes de atender às condições de operação e durabilidade exigidas pelas cidades brasileiras que buscam por soluções sustentáveis de mobilidade.

“O veículo consolida o desenvolvimento de uma solução completa de mobilidade urbana sustentável, com planos de serviços, atendimento pós-vendas e peças de reposição, incluindo sistema de recarga e manutenção das baterias”, explica Ricardo Portolan, diretor de operações comerciais de mercado interno e marketing da Marcopolo.

O Attivi Integral já passou por testes em Goiânia (GO), Salvador (BA) e Angra dos Reis (RJ), e nos próximos meses estão previstas operações assistidas em outras cidades brasileiras.

A Marcopolo, apesar de apresentar seu modelo de ônibus elétricos para diversas cidades brasileiras, possui uma estratégia de mercado que foca em grandes centros do país. O principal objetivo da marca está na cidade de São Paulo, que recentemente conseguiu a liberação de verba para a compra de ônibus elétricos, e que pretende, até o final de 2024, atingir a marca de 2,6 mil ônibus movidos a eletricidade.

Ônibus elétrico prata em teste
Uma das apostas da Marcopolo é em sua capacidade de produção, cerca de 1000 ônibus elétrico por ano. Foto: Divulgação/Marcopolo

Marca brasileira ativa

Essa estratégia agressiva da marca se deve ao fato de possuir uma produção local em larga escala, com capacidade de fabricar 1.000 ônibus elétricos em um ano.

Por conta disso, a Marcopolo já é uma marca ativa no mercado nacional de eletromobilidade urbana, ela atua nas cidades de: Bauru, Campinas, São José dos Campos, Santo André e São Paulo (SP), Belém (PA), Brasília (DF), Vitória (ES), Fortaleza (CE), Maringá (PR) e Volta Redonda (RJ).  

Além dessas cidades, a marca já faz testes em conjunto com outras empresas do setor em grandes pólos elétricos. Um exemplo são os testes de viabilidade, realizados com a BYD, na cidade de Curitiba, que teve início em 24 de abril de 2023 e foram concluídos em 30 de maio de 2023.

Ler o Anterior

São Paulo terá R$ 2,4 bilhões para compra de ônibus elétricos

Ler o Próximo

Parceria de TEVX Motors e CATL reforça ônibus elétricos no Brasil

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular