Canal VE

25 de fevereiro de 2024

Vendas de eletrificados superam 10,6 mil unidades em novembro

Veículo elétrico sendo recarregado em via pública

Com o recorde registrado no mês de novembro, os carros eletrificados atingiram 5,2% de participação no mercado automotivo. Foto: Envato/Elements

Novembro manteve a tendência de crescimento de meses anteriores e com o registro de um novo recorde de vendas para a categoria de eletrificados (BEV, PHEV, HEV): 10.601 unidades. Os dados de vendas foram divulgados pela Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE). No acumulado do ano, já são 77.648 veículos eletrificados emplacados no Brasil, 78% a mais que o mesmo período em 2022 (43.658 unidades).

O destaque ficou por conta dos veículos carregáveis por fontes externas de energia elétrica, ou seja, os 100% elétricos (BEV), com 3.197 emplacamentos, e os híbridos plug-in (PHEV), com 4.004 unidades.

Com esses números, a participação dos eletrificados nas vendas totais, em novembro, foi de 5,2% em relação ao total de emplacamentos de veículos leves de qualquer motorização no mercado doméstico, que, de acordo com a Fenabrave, foi de 201.649 unidades.

Em novembro de 2022 (191.946), essa participação era de 2,6%, o que indica o avanço significativo e registra novo recorde para o segmento de veículos eletrificados.

BYD Dolphin estacionado em frente a praia
A marca de grande destaque no segmento de eletrificados no Brasil é a BYD, líder de vendas no setor desde o início do ano. Foto: Rubens Morelli/Canal VE

BYD puxa a fila dos eletrificados mais vendidos

Liderando o mercado de eletrificados há alguns meses, a BYD tem participação de 66% no mercado de veículos 100% elétricos no mercado nacional. A empresa contou com um crescimento de 28,6% sobre as 1.632 unidades comercializadas em outubro.

Além de liderar com folga o mercado de BEV, a montadora chinesa também lidera as vendas dos híbridos plug-in (PHEV), com o modelo eletrificado mais vendido do país no mês, o Song Plus, que somou 1.523 unidades emplacadas. Esse valor representa 38% de todas as vendas dentro desta categoria.

Em ambas as categorias, a BYD lidera o número de vendas no acumulado entre janeiro e novembro, com 6.657 unidades emplacadas de veículos BEV e 5.786 unidades comercializadas dos veículos PHEV. Esses números garantem uma participação da marca no mercado brasileiro de 50% para veículos totalmente elétricos e 20% do total emplacado de modelos híbridos plug-in.

Tabela com números de vendas
Tabelas mostram as marcas que mais venderam apenas no mês novembro (esq.), e o acumulado do ano todo (dir.). Foto: Divulgação/ABVE

Projeção para dezembro e o total de 2023

O recorde alcançado no mês de novembro não deve durar muito. Segundo as projeções da ABVE, o mês de dezembro deve atingir um novo recorde de vendas para o mercado de eletrificados.

Esse aumento deve acontecer por conta do movimento de antecipação de vendas, antes da entrada em vigor das novas alíquotas de Imposto de Importação de veículos elétricos e híbridos, a partir de janeiro.

Com relação à projeção do ano todo, a previsão do presidente da ABVE, Ricardo Bastos, era de que o número de emplacamentos atingisse a marca de 80 mil neste ano, mas, de acordo com as novas avaliações, o total poderá chegar perto dos 90 mil veículos.

Caso se concretize esse número projetado, significará um aumento entre 62% e 83% sobre as vendas totais de 2022 (49.245).

Ler o Anterior

Volvo bancará parte do imposto de importação do EX30 no Brasil

Ler o Próximo

Rede Graal instalará eletropostos em rodovias do Sul e Sudeste

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular