Canal VE

14 de junho de 2024

Mitch Evans vence E-Prix de São Paulo em final eletrizante

Mitch Evans estoura champanhe no pódio cercado por uma multidão de torcedores

Mitch Evans, da equipe Jaguar, celebra a vitória no pódio. Foto: Divulgação/Fórmula E.

Meio segundo. Essa foi a diferença entre os três pilotos que formaram o pódio do São Paulo E-Prix, da Fórmula E. Melhor para o neozelandês Mitch Evans, da Jaguar, que segurou a pressão do compatriota Nick Cassidy, da Envision, e garantiu a vitória. Companheiro de Evans na Jaguar, o britânico Sam Bird chegou em terceiro.

Os brasileiros Lucas di Grassi, da equipe Mahindra, e Sergio Sette Câmara, da Nio 333 Racing, não tiveram a mesma sorte. Di Grassi largou na última posição do grid, após tocar o muro no treino de classificação. Apesar de ter bons momentos na prova, acabou no 13º lugar. Já Sette Câmara, que também teve muitos problemas ao longo do fim de semana, finalizou a prova na 17ª posição.

Nick Cassidy pilota carro verde da Envision na Fórmula E
Nick Cassidy, da Envision, acabou na segunda posição. Foto: Divulgação/Fórmula E.

Briga pela liderança

Se faltou competitividade em pista aos pilotos do país, sobrou emoção na briga pelas primeiras posições. A prova foi marcada por belas ultrapassagens e trocas na liderança.

Com uma pilotagem agressiva, Nick Cassidy escolheu bem os momentos para o modo ataque e pulou para a primeira posição.

No entanto, a quatro voltas do fim, Mitch Evans conseguiu a ultrapassagem sobre Cassidy aproveitando uma pequena brecha ao fim da reta do Sambódromo. Depois, segurou a pressão do adversário para receber a bandeira quadriculada na primeira posição, em uma chegada eletrizante. A diferença entre Evans e Cassidy foi de 0,284 s. 

Mitch Evans pilota uma Jaguar nas cores preta e branca
Mitch Evans conseguiu assumir a liderança nas últimas voltas. Foto: Divulgação/Fórmula E.

Sam Bird, que conseguiu tirar a diferença para os dois pilotos da frente nas últimas voltas, chegou colado a eles, mas sem fazer efeito para trocar a posição do pódio. Mesmo assim, ficou a apenas 0,507 s atrás de Evans.

 

Festa nas arquibancadas

A festa da eletromobilidade começou cedo. Torcedores puderam utilizar gratuitamente ônibus elétricos para se deslocar da estação Portuguesa-Tietê do metrô para o Sambódromo do Anhembi. O deslocamento de menos de 10 minutos foi suficiente para que milhares de pessoas experimentassem a viagem silenciosa de um ônibus sem emissões.

Imagem mostra ônibus elétrico verde parado no estacionamento
Ônibus elétricos transportaram torcedores para o Anhembi. Foto: Rubens Morelli.

No entanto, um atraso de 30 minutos para o início das operações da linha especial gerou uma fila pelos corredores da estação do metrô, ofuscando o brilho da ação. 

As longas filas também seriam uma constante dentro do circuito de rua montado no Sambódromo do Anhembi. Desde as primeiras horas do dia, o sol forte acompanhou os torcedores, que buscavam pontos de sombra nas arquibancadas ou embaixo delas. 

Longas filas de pessoas na entrada do evento
Torcedores aguardam em fila para acessar as dependências do circuito no Sambódromo do Anhembi. Foto: Rubens Morelli.

As estações de hidratação foram muito disputadas, assim como as lanchonetes disponíveis para o público, o que gerou reclamações.

“A corrida foi boa, pena que o evento foi mal organizado. Muita fila para comer, com poucos food trucks. Valeu a pena porque gosto de automobilismo”, disse o publicitário Leonardo Barros.

O Fan Village, montado ao lado do circuito, agradou, apesar das filas. Durante todo o dia, os torcedores puderam conhecer o trabalho de diversas empresas focadas na mobilidade elétrica e sustentabilidade por meio de ações de ativação das marcas. 

O entretenimento também marcou presença com apresentações artísticas e esportivas nos palcos. Até mesmo as crianças se divertiram com as atrações montadas em uma área especial dedicada a elas.

 

Alta velocidade

Mas, como não poderia ser diferente, os carros elétricos da Fórmula E foram os principais atrativos do evento. Durante a prova, o público vibrou a cada volta. 

A alta velocidade dos carros na reta do Sambódromo chamou a atenção do venezuelano José Miguel Sanchez, vencedor da promoção “Você na Fórmula E”, promovida pelo Canal VE, que sorteou um par de ingressos para o São Paulo E-Prix.

“Os carros são maravilhosos, completamente elétricos, muito rápidos. São realmente impressionantes”, disse Sanchez, que convidou o amigo José Mendez para ver a corrida presencialmente pela primeira vez na vida. “Sou apaixonado por automobilismo, mas nunca tive a oportunidade de ir a um autódromo. Achei o máximo”, completou.

Dois torcedores na arquibancada e um carro na pista
José Miguel Sanchez (à dir.) e José Mendez gostaram da experiência da Fórmula E. Foto: Rubens Morelli.

Ler o Anterior

Saiba como os carros elétricos da Fórmula E são recarregados

Ler o Próximo

Mais da metade dos brasileiros quer ter carro híbrido ou elétrico

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular