Canal VE

14 de junho de 2024

Indústria de baterias cresce e dá força para mercado de VEs

Produção da bateria Blade, da BYD

Preço das baterias para veículos elétricos tiveram redução de custos. Foto: Divulgação/BYD.

A indústria global de baterias viveu, em 2023, um ano de crescimento transformador, com forte impacto no mercado de veículos elétricos em todo o mundo. É o que mostra o relatório anual da Volta Charging, empresa americana de recarga de veículos elétricos.

O crescimento foi caracterizado por um aumento nas vendas de automóveis e comerciais leves eletrificados, ao mesmo tempo em que foi registrado uma redução significativa nos preços dos conjuntos de baterias, juntamente com avanços consideráveis na tecnologia empregada e nos processos de fabricação.

O relatório observa uma forte redução de 80% no custo do lítio desde o pico no final de 2022, o que contribuiu para a redução dos preços das células de baterias em 16% no último ano, atingindo a marca de US$ 107 (R$ 529) por kWh. Essa redução é considerada um fator crítico para tornar os veículos elétricos mais baratos e, ao mesmo tempo, mais acessíveis para uma parcela maior de consumidores.

O documento também faz uma projeção sobre a expansão global da capacidade de produção de baterias, para 7 TWh em todo o mundo antes de 2030, com a China sendo a responsável por 68,5% dessa expansão. 

 

Expectativa para o futuro

Se os custos das baterias diminuem enquanto a produção aumenta, existe no mercado a expectativa de que os preços possam atingir novos patamares com a intensificação da guerra das fabricantes, em especial as gigantes chinesas CATL e BYD

As novas soluções desenvolvidas pelas fabricantes para o mercado de baterias para veículos elétricos em todo o mundo podem baixar ainda mais os custos, para US$ 56 por kWh em até seis meses, segundo as previsões estatísticas divulgadas pela agência chinesa de notícias CnEVPost

 

Evolução em andamento

O relatório da Volta Charging mostra que 2023 foi um ano não apenas de crescimento, mas também de realinhamento estratégico e inovação na indústria global de baterias. 

Com vendas crescentes de veículos elétricos, custos decrescentes e foco em práticas de produção e fornecimento sustentáveis ​​e eficientes, o documento prova que a indústria está preparada para expansão e evolução contínuas nos próximos anos.

Ler o Anterior

Guarda apreende baterias de ônibus elétricos em Campinas

Ler o Próximo

Intelbras lança leitor facial para acesso a carregadores de VEs

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular