Canal VE

18 de maio de 2024

Em teste, robô da Ford promete acessibilidade a posto de recarga

Robô carrega carro enquanto pessoa com deficiência se move por calçada

Robô para recarga de bateria promete facilitar a vida de motoristas com deficiência. Foto: Divulgação/Ford

Um protótipo desenvolvido por pesquisadores da Universidade de Dortmund, na Alemanha, em parceria com a Ford, promete facilitar a vida do motorista de veículos elétricos. Um robô, comandado por um smartphone, realiza a recarga do VE sem a necessidade de manuseio. 

Braço mecânico de equipamento se conecta ao carro
Pequena câmera instalada em braço mecânico auxilia a guiar robô. Foto: Divulgação/Ford

O equipamento de inteligência artificial foi projetado para auxiliar motoristas com mobilidade reduzida, deficientes ou idosos que têm dificuldades para fazer a recarga em uma estação de energia, garantindo acessibilidade. A ideia é que o robô, com o auxílio de uma câmera, possa fazer a operação sozinho.

O protótipo começou a ser testado na Europa, com pesquisadores da marca, em laboratórios. Agora, segundo informações divulgadas pela montadora, o robô está passando por testes em situações reais, em um posto de recarga em Munique, na Alemanha. 

Ao ser ativado pelo smartphone, o equipamento estende um braço mecânico e se conecta ao veículo, com o auxílio de uma câmera inteligente instalada próximo ao plugue, para realizar a recarga. O motorista pode acompanhar o processo e o estado da carga por meio do aplicativo FordPass. Ao fim da recarga, a estação se desconecta do veículo automaticamente.

Inovação tecnológica

De acordo com os pesquisadores, o equipamento poderá ser instalado em vagas de estacionamento próprias para deficientes em estabelecimentos comerciais ou mesmo em residências. Outra aplicação é para o carregamento rápido de frotas de empresas. No futuro, o processo poderá, ainda, ser totalmente automatizado.

“A estação de carregamento robótica pode ser só uma conveniência para algumas pessoas, mas para quem tem mobilidade reduzida é absolutamente essencial. Oferecer esse tipo de solução faz parte do compromisso da Ford de garantir liberdade de movimento para todos”, diz Birger Fricke, engenheiro do Centro de Pesquisa e Inovação da Ford.

O uso de inteligência artificial para o carregamento de veículos elétricos faz parte da estratégia da montadora em eletrificação. Na Europa, a Ford possui uma rede, chamada de Blue Oval Charging Network, que possui mais de 300 mil carregadores em diversos países.

Ler o Anterior

Chevrolet apresenta Blazer EV, que deve chegar ao Brasil em 2024

Ler o Próximo

Estapar e Mobilize se unem por melhor infraestrutura de recarga

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular