Canal VE

25 de fevereiro de 2024

Carros eletrificados têm o melhor mês de janeiro da história no país

BYD Dolphin andando nas ruas do Brasil

BYD segue no topo entre as montadoras que mais vendem veículos eletrificados no Brasil. Divulgação/BYD

Seguindo uma tendência do que aconteceu em 2023, os emplacamentos de veículos elétricos e híbridos em janeiro bateram novo recorde para o mês. Foram 12.026 veículos emplacados, um crescimento de 167% em relação ao mesmo mês do ano passado (4.503), segundo dados da Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE).

Com esses números, foi o melhor janeiro da história e o segundo melhor mês em emplacamentos registrados pela ABVE, ficando atrás apenas dos 16.279 unidades vendidas no último mês de 2023.

O número de emplacamentos em janeiro de 2024, o primeiro mês após o fim da isenção do imposto de importação anunciado pelo governo, é uma resposta para quem esperava que o mercado esfriaria com essa nova taxação. Vale ressaltar que algumas revendedoras não repassaram o valor dos impostos e mantiveram os preços do ano anterior.

Destaque para os 100% elétricos

Os veículos 100% elétricos foram o grande destaque, pelo segundo mês consecutivo. Em janeiro, foram 4.358 BEV emplacados, ou 36% do total de veículos eletrificados, mais do que os híbridos plug-in (PHEV), com 32,5%

Na comparação com janeiro de 2023 (755), o crescimento dos carros 100% elétricos a bateria foi de 477%. Já os PHEV registraram 3.910 vendas e um crescimento de 139% sobre janeiro de 2023 (1.637).

Os números confirmam a tendência de crescimento da preferência dos consumidores por veículos plugáveis, ou seja, aqueles que recebem energia por meio de fontes externas. Somados, BEV e PEHV representam 68,5% das vendas totais dos eletrificados no mês, enquanto os híbridos convencionais (HEV e MHEV), que dependem exclusivamente de combustíveis, tiveram 3.758 unidades emplacadas no período, ou 31% da preferência do consumidor.

Volvo EX30 é um dos modelos elétricos da marca no Brasil
BEV e PEHV representam 68,5% das vendas totais dos eletrificados no mês de janeiro. Foto: Divulgação/Volvo

 Modelos mais emplacados

O mercado nacional segue sendo impulsionado pelas mesmas marcas que já tiveram grandes resultados em 2023, como BYD e GWM.

Entre os eletrificados mais emplacados de janeiro, a BYD coloca dois modelos na liderança. O Dolphin ocupa o primeiro lugar, com 1.583 unidades emplacadas, seguido pelo híbrido plug-in Song Plus GS, com 1.519 emplacamentos. A lista dos cinco primeiros também tem o híbrido convencional (HEV) Toyota Corolla Cross XRX Hybrid (890), o Haval H6 HEV (655) e o totalmente elétrico BYD Seal (612).

Entre as montadoras, a BYD continua no topo da lista, com 4.298 modelos emplacados, seguida por GWM, com 2.315, Toyota (1.593), CAOA Chery (752) e Volvo (668).

Estados e municípios com maior participação

O estado de São Paulo continua liderando a eletrificação no Brasil, finalizando o mês de janeiro com 4.082 veículos emplacados, um crescimento de 185,5% com relação a janeiro de 2023. O estado mais populoso do país é seguido pelo Rio de Janeiro, com 896 emplacamentos, e um crescimento de 126% sobre janeiro de 2023.

Com relação às cidades com maiores vendas, a capital paulista é quem mais emplacou eletrificados em janeiro (1.819), seguida por Brasília (876), Rio de Janeiro (561), Belo Horizonte (466) e Curitiba (437).

Ler o Anterior

Enel X lança hub de recarga com 20 vagas no Shopping SP Market

Ler o Próximo

Renault Kwid E-Tech é o primeiro elétrico abaixo de R$ 100 mil

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular