Canal VE

18 de julho de 2024

Stellantis inaugura seu primeiro centro tecnológico de baterias

Faixada do Centro de Tecnologia de Baterias em Mirafiori, Itália

Com investimento de aproximadamente R$ 212 milhões, a fábrica é um marco para o futuro da Stellantis. Foto: Divulgação/Stellantis

A Stellantis, grupo detentor de marcas como Fiat, Peugeot e  Jeep, entre outras, inaugurou seu primeiro centro tecnológico voltado para baterias. Este novo centro será dedicado a projetos, desenvolvimento e testes de conjuntos de baterias, módulos, células de alta tensão e software que vão alimentar os próximos veículos das marcas.

O centro é o maior da Itália e um dos maiores de toda a Europa. Foi necessário um investimento de 40 milhões de euros (cerca de R$ 212 milhões) para desenvolver um ambiente de última geração. 

O Centro de Tecnologia de Baterias Mirafiori conta com mais de 100 funcionários, a maioria deles, profissionais qualificados da Stellantis, que irão realizar e supervisionar testes de estresse climático, testes de durabilidade, desenvolvimento e calibração de software de sistema de gerenciamento de bateria (BMS) e desmontagem de conjuntos e células para análise e benchmarking.

“Nosso novo Centro de Tecnologia de Baterias em Mirafiori reúne as ferramentas e as talentosas pessoas que precisamos para projetar, testar, verificar e produzir produtos líderes de segmento que atenderão às necessidades de nossos clientes e acelerarão o fornecimento de veículos elétricos referências para clientes em todo o mundo”, destaca Ned Curic, chefe de engenharia e tecnologia da Stellantis.

Câmara de controle de temperatura voltada para testes de bateria
No local, a equipe, que conta com mais de 100 funcionários, terá tecnologia de ponta para desenvolvimento e testes. Foto: Divulgação/Stellantis

Espaço grande e tecnológico

O Centro de Tecnologia de Baterias Mirafiori ocupa uma área de 8 mil metros quadrados, distribuídos em três níveis. O coração do centro é composto por 32 câmaras de teste climático, sendo 24 câmaras walk-in para teste de baterias e oito câmaras para teste de células.

O clima nas 24 câmaras walk-in pode ser controlado quanto à umidade e temperatura, com uma faixa de -40°C a 60°C e uma variação máxima de até 20 graus por minuto. O centro pode testar até 47 baterias simultaneamente.

As oito câmaras de células são capazes de testar 96 células em paralelo. Esta parte do centro de tecnologia será dedicada principalmente à triagem de química de baterias inovadoras e à caracterização do comportamento das células para desenvolvimento futuro.

Câmara de resfriamento para o desenvolvimento e testes da bateria
O Centro de Tecnologia de Baterias Mirafiori é composto por 32 câmaras de teste climático, em um local de 8 mil metros quadrados. Foto: Divulgação/Stellantis

Compromisso da Stellantis com VEs

O grupo está criando um ecossistema para melhorar e acelerar ainda mais a produção dos seus veículos elétricos. O Centro de Tecnologia de Baterias em Mirafiori mostra essa preocupação da marca com a transição energética.

A integração das principais etapas para baterias de veículos elétricos, desde o design, ao desenvolvimento e testes, até à produção, representa, de acordo com a marca, a principal estratégia para produzir BEVs referência na sua categoria com desempenho centrado no cliente.

Para atingir todas as suas metas de vendas até 2030, a empresa está garantindo aproximadamente 400 GWh de capacidade de bateria, a ser suportada por seis fábricas de baterias na América do Norte e Europa.

Ler o Anterior

Volvo inaugura o maior hub de recarga da América Latina em SP

Ler o Próximo

Vibra investe mais R$ 10 milhões em eletromobilidade via EZVolt

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Popular